A sede do Epicentro Cultural está desativada desde dezembro de 2015. O site é mantido no ar como banco de dados e de pesquisa de trabalhos e linguagens dos diversos artistas que por ela já passaram.


c_column_text]